Automonitorização glicêmica

Home / Automonitorização glicêmica
  • Leia com atenção o manual que acompanha o seu aparelho de medir glicose (glicosímetro) e o lancetador;
  • Configure o seu glicosímetro ajustando hora, data e ano antes do primeiro uso e após a troca de bateria.
  • Confira a data de validade das fitas de teste em uso.
  • Calibre sempre o seu glicosímetro de acordo com a caixa de tira-teste que estiver usando.
  • Configure o seu glicosímetro ajustando hora, data e ano antes do primeiro uso e após a troca de bateria.
  • Estabeleça com seu médico o horário em que deverão ser feitos os testes, de modo que correspondam aos horários em que você aplica insulina, aos horários de refeições e à sua rotina de exercícios.
  • Anote suas glicemias no diário, com observações sobre o tipo e duração do exercício e o horário em que o realizou.
  • Faça os testes com mais frequência se estiver doente (infecções, principalmente).
  • Troque a lanceta do lancetador DIARIAMENTE.
  • Realize o rodízio dos locais de punção dos dedos.

mão   

 

 

 

 

 

 

Cuidados na realização da glicemia capilar

 

1. Lavar bem as mãos com água corrente e sabão e secar bem o local (a presença de umidade pode diluir o sangue e produzir resultados incorretos);

2. Ajustar no lancetador o número da profundidade da picada, suficiente para se obter a gota de sangue necessária;

3. Retirar uma fita teste e fechar imediatamente o tubo (a tampa contém um agente que preserva as tiras);

4. Ligar o glicosímetro e colocar a fita no local indicado;

5. Conferir se o código que aparece no visor é o mesmo que está impresso no tubo de fitas (se o código estiver errado, o resultado não será confiável);

6. O monitor do aparelho indica o momento de inserir a gota de sangue pelo desenho da gota que aparece no visor;

7. Aplicar o lancetador na parte lateral dos dedos (diminui a dor);

8. Anotar o resultado no diário de controle;

9. Descartar agulhas, lancetas, seringas e fitas em recipiente rígido (uma garrafa plástica, por exemplo) que, após completo, deve ser lacrado e levado ao posto de saúde mais próximo, para descarte final.

 

NUNCA COLOQUE ESTE MATERIAL EM LIXO DOMÉSTICO!

 

LEMBRE-SE:

A AUTOMONITORIZAÇÃO é fundamental para o ajuste do seu tratamento e melhora do controle glicêmico. Leve sempre o seu glicosímetro às consultas.

Valorize suas fitas e faça a monitorização sempre com o objetivo de melhorar o seu tratamento.

 

 MONITORIZAÇÃO